Garanhuns

Festival Viva Dominguinhos pode mudar de nome

Publicado em 26/04/2019 , às 12 h28

NE10 Interior

Em 2019, o Festival chega a sua 6ª edição / Foto: Divulgação

Em 2019, o Festival chega a sua 6ª edição Foto: Divulgação

O Festival "Viva Dominguinhos", realizado pela Prefeitura de Garanhuns, no Agreste de Pernambuco, pode mudar de nome. Em entrevista à Rádio Jornal Caruaru, o Prefeito da cidade, Ízaias Régis (PTB), explicou que a medida pode acontecer devido à cobrança de direitos autorais por parte da família do mestre da Sanfona.

Segundo o Prefeito, caso a cobrança persista o Festival terá o nome alterado "Eu já decidi que paro ano nós não vamos usar o "Viva Dominguinhos", vamos usar o nome "Viva Garanhuns", comentou. Ainda de acordo com o petebista, o músico é um patrimônio do estado de Pernambuco e não deve ser tratado como uma empresa.

Por meio de nota, a Prefeitura Municipal de Garanhuns informou que o Festival Viva Dominguinhos é uma homenagem ao filho ilustre da cidade e maior sanfoneiro do país. De acordo com a assessoria, há um projeto de Lei em tramitação no Poder Legislativo Municipal, transformando a festa em propriedade cultural e imaterial da cidade de Garanhuns. Entretanto, o Governo ressalta que, caso a cobrança persista, a festa mudará de nome e passará a se chamar Viva Garanhuns, com o mesmo formato e estilo do Festival atual.

Viva Dominguinhos

O Festival Viva Dominguinhos celebra a vida e a memória do mestre da sanfona em três dias de festa. O evento está sendo realizado pela Prefeitura de Garanhuns até o sábado (27). Em 2019, o evento chegou à sua 6ª edição.

Na noite de hoje (26), apresentam-se as bandas Roda de Sanfona, Valéria Santos, Projeto Seu Domingu's, Banda Quero Xote, Mateus Cordeiro, Amanda Back, Ivan Maceió e Forró do Xeeh.

Confira a entrevista completa:

Continue Lendo

COMENTE ESTA MATÉRIA

Nome:
E-mail
Mensagem

O comentário é de total responsabilidade do internauta que o inseriu. O NE10 reserva-se o direito de não publicar mensagens com palavras de baixo calão, publicidade, calúnia, injúria, difamação ou qualquer conduta que possa ser considerada criminosa.


Vitrine NE10
Fechar vídeo