História

"Tenha fé", diz menino que foi espancado, amputou perna e virou goleiro

Publicado em 14/03/2019 , às 16 h06

NE10 Interior

Gabriel ganhou bolsa de estudos e virou goleiro na nova escola / Foto: reprodução/TV Jornal Interior

Gabriel ganhou bolsa de estudos e virou goleiro na nova escola Foto: reprodução/TV Jornal Interior

A história de Gabriel, de 10 anos, comoveu pessoas de Caruaru, no Agreste de Pernambuco, e de todo o Brasil. Depois de ser agredido na escola, o garoto foi internado e acabou precisando amputar a perna depois de pegar uma infecção.

De acordo com a família, o menino foi espancado dentro da Escola Municipal Professora Sinhazinha por parte de colegas, no bairro do Salgado, depois de vencer um jogo de futebol. "O comportamento de Gabriel mudou muito depois disso, porque acho que ele quer brincar e não pode mais", lamentou a mãe, Maria Isabel. Oficialmente, a Secretaria de Educação afirma que não há provas de que a agressão tenha acontecido dentro do colégio. 

Um boletim de ocorrência sobre o caso foi registrado na 2ª Delegacia de Caruaru, mas não houve a abertura de inquérito. O caso está sendo acompanhado pelo Ministério Público de Pernambuco.

Sensibilizada com a história, a Fábrica de Sonhos conseguiu uma bolsa de estudos para Gabriel. O menino ganhou surpresas até do Corinthians, time do coração, e entrou em campo com o ídolo, o goleiro Cássio. No colégio, o garoto realizou o sonho de ser goleiro. "Tenha fé", diz o menino, em vídeo gravado para a TV Jornal Interior.

Veja na reportagem do "Povo na TV", da TV Jornal Interior:

PALAVRAS-CHAVE: agreste caruaru interior

Continue Lendo

COMENTE ESTA MATÉRIA

Nome:
E-mail
Mensagem

O comentário é de total responsabilidade do internauta que o inseriu. O NE10 reserva-se o direito de não publicar mensagens com palavras de baixo calão, publicidade, calúnia, injúria, difamação ou qualquer conduta que possa ser considerada criminosa.


Vitrine NE10
Fechar vídeo