Santa Cruz do Capibaribe

"Ele foi autuado por feminicídio", diz delegado sobre o caso de mulher grávida morta a facadas

Publicado em 11/02/2019 , às 14 h54

NE10 Interior

Local do crime. Vítima seria ex-companheira do suspeito  / Foto: reprodução/TV Jornal

Local do crime. Vítima seria ex-companheira do suspeito Foto: reprodução/TV Jornal

Uma grávida foi morta a facadas, no bairro Santo Agostinho, em Santa Cruz do Capibaribe, no Agreste de Pernambuco, na noite desse domingo (10). De acordo com o delegado do caso, o suspeito de ter cometido o crime foi autuado por feminicídio.

Gilmara Albuquerque da Silva recebeu várias facadas. Ela chegou a ser socorrida para o hospital local, mas não resistiu aos ferimentos e morreu. O suspeito pelo crime foi agredido por populares. A Polícia Civil vai investigar a motivação do crime.

Veja na reportagem do programa Por Dentro, da TV Jornal Interior:

Continue Lendo

COMENTE ESTA MATÉRIA

Nome:
E-mail
Mensagem

O comentário é de total responsabilidade do internauta que o inseriu. O NE10 reserva-se o direito de não publicar mensagens com palavras de baixo calão, publicidade, calúnia, injúria, difamação ou qualquer conduta que possa ser considerada criminosa.


Vitrine NE10
Fechar vídeo