Caruaru

HRA é destaque entre os hospitais que mais realizaram cirurgias faciais no Brasil

Publicado em 13/04/2018 , às 07 h56

NE10 Interior

Ranking do Ministério da Saúde conta com 452 unidades de todo o país. Hospital Regional do Agreste ocupa a 9ª colocação.  / Foto: reprodução/TV Jornal

Ranking do Ministério da Saúde conta com 452 unidades de todo o país. Hospital Regional do Agreste ocupa a 9ª colocação. Foto: reprodução/TV Jornal

O Hospital Regional do Agreste (HRA), em Caruaru, no Agreste de Pernambuco, é referência no atendimento de urgência e emergência em traumato-ortopedia, cirurgia geral e bucomaxilofacial de alta complexidade para 87 municípios pernambucanos, é o 9º serviço que mais realizou cirurgias de face em 2017 no Brasil. Os dados são do Ministério da Saúde, por meio do Departamento de Informática do Sistema Único de Saúde (DataSUS) referente aos procedimentos cirúrgicos realizados em todo o ano passado. Ao todo, 452 hospitais em todo o país realizaram este tipo de procedimento no ano passado. No HRA, foram contabilizados 121 procedimentos na área de traumatologia bucomaxilofacial.

"O Regional do Agreste possui uma equipe de cirurgiões bucomaxilofaciais altamente especializada e referência para todo o Estado, além de contar com todos os recursos técnicos necessários para realizar os procedimentos. Estar entre as 10 unidades que mais operaram casos em 2010, é um reconhecimento muito importante para Pernambuco e para o próprio HRA, mas, sobretudo, mostra a importância do serviço para toda a sociedade, especialmente para os Usuários do SUS no interior do Estado. Só alcançamos esta marca graças ao comprometimento profissional de nossos médicos especialistas e residentes", ressaltou o diretor do Hospital Regional do Agreste, Giovani Cardoso.

De acordo com o chefe do programa de residência em cirurgia e traumatologia bucomaxilofacial do HRA, Diogo Brainer, a unidade também realiza procedimentos via artroscópica para tratar doenças da articulação temporomandibular, nas grandes reconstruções faciais secundárias realizada em conjunto multidisciplinar com as especialidades de micro-cirurgia e ortopedia. "Este tipo de atendimento ou realização de procedimento é feito para quem apresenta alguma deformidade facial em função de traumas como fratura de mandíbula, por exemplo. O perfil dos pacientes são normalmente vítimas de acidente de trânsito, violência por arma de fogo, tumores de face, ou outros traumatismos", pontuou Diogo.

Outra novidade, é que a unidade estadual também firmou parceria com o Instituto Português da Face, centro de referência internacional para tratamentos da face com sede em Lisboa, para o intercâmbio de residentes na área. Atualmente, o HRA oferece residência médica nas especialidades de cirurgia geral, ortopedia, anestesiologia, enfermagem, oncologia e bucomaxilofacial. "Temos que celebrar muito por ser este Serviço Escola ter fechado parceria com o intuito de enriquecer mais ainda a experiência dos nossos profissionais", ressalta Diogo.

PALAVRAS-CHAVE: agreste caruaru interior hra

Continue Lendo

COMENTE ESTA MATÉRIA

Nome:
E-mail
Mensagem

O comentário é de total responsabilidade do internauta que o inseriu. O NE10 reserva-se o direito de não publicar mensagens com palavras de baixo calão, publicidade, calúnia, injúria, difamação ou qualquer conduta que possa ser considerada criminosa.

SERVIÇOSNE10


Vitrine NE10
Fechar vídeo