Danos das chuvas

Teatro Experimental de Arte, em Caruaru, pede ajuda para reconstrução

Publicado em 17/07/2017 , às 11 h37

NE10 Interior

Teatro Experimental de Arte vai passar por reconstrução / Foto: cortesia

Teatro Experimental de Arte vai passar por reconstrução Foto: cortesia

O Teatro Experimental de Arte (TEA), localizado na Rua Carlos Laet, no bairro Indianópolis, em Caruaru, no Agreste de Pernambuco, está precisando de ajuda para ser reconstruído. Há pouco mais de uma semana, as chuvas fizeram com que parte do telhado caísse, o que danificou o gesso e a fiação elétrica do teatro. As paredes, o piso e o palco do espaço também foram comprometidos.

O risco que o teatro apresenta fez com que as aulas fossem transferidas para o Colégio Nicanor Souto Maior, que fica na mesma rua. Agora, a tarefa é reconstruir o teatro, que completou 55 anos nesse domingo (16). "Foi um presente de aniversário ruim. A gente estava planejando uma comemoração, mas não teve como fazer. Ficamos chocados com uma coisa dessas, graças a Deus não feriu ninguém", afirmou uma das coordenadoras do TEA, a atriz Arary Marrocos.

De acordo com Marrocos, um pedreiro foi contratado para fazer colunas de sustentação e reforçar as paredes do teatro. Porém, a reforma tem um preço alto. Por causa disto, os coordenadores do TEA tentam pedir ajuda aos órgãos públicos e a população em geral para contribuir com a doação de materiais de construção ou valores em dinheiro para ajudar na reconstrução.



O ator Wagnner Sales começou a carreira artística profissional no TEA, com a tragédia grega Antígona, de Sófocles, em 1991. "Tudo o que aprendi de teatro, minha base como ator, foi no TEA. Eu fiz parte dos cursos gratuitos, que foram importantes para minha formação como pessoa, como cidadão, e como ator. Todo mundo que passou por lá e tem respeito pelo teatro está nesta campanha pela reconstrução", afirmou.

Espaço ficou destruído após as chuvas

Espaço ficou destruído após as chuvasFoto: cortesia

As doações em dinheiro podem ser feitas através da conta corrente do teatro: Banco Santander - Agência 4017, Conta: 13000062-6. As doações em materiais podem ser entregues na sede do TEA, na Rua Carlos Laet, nº 352, bairro Indianópolis. Outras informações podem ser obtidas através dos telefones dos coordenadores: (81) 3721.3677 (Arary Marrocos), (81) 9.9500.3727 (Pedro Henrique), e (81) 9.9964.2555 (Fábio Pascoal).

História

O TEA - que é Ponto de Cultura e Patrimônio Vivo de Pernambuco - foi fundado no dia 16 de julho de 1962, com o objetivo de "despertar um novo olhar entre os que faziam teatro na região". O teatro foi construído a partir da garagem da casa de Argemiro Pascoal e Arary Marrocos. O espaço tem capacidade para 60 lugares e é palco de um curso livre de teatro gratuito. O Ponto de Cultura oferece ainda atividades de cineclube, leituras dramatizadas, saraus, produção de espetáculos e outras atividades artísticas, como um festival.


PALAVRAS-CHAVE: teatro agreste caruaru interior

Continue Lendo

COMENTE ESTA MATÉRIA

Nome:
E-mail
Mensagem

O comentário é de total responsabilidade do internauta que o inseriu. O NE10 reserva-se o direito de não publicar mensagens com palavras de baixo calão, publicidade, calúnia, injúria, difamação ou qualquer conduta que possa ser considerada criminosa.

SERVIÇOSNE10


Vitrine NE10
Vitrine NE10
Fechar vídeo